Cantora portuguesa Bárbara Bandeira é a primeira artista a ser anunciada para a gala dos CVMA 2023

A atuação na 12.ª edição dos prémios oficiais da música cabo-verdiana vai ser a primeira performance da artista no país.

A artista portuguesa Bárbara Bandeira é a primeira artista convidada a ser anunciada pela organização da XII Gala dos Cabo Verde Music Awards que este ano faz a sua estreia na ilha do Sal, a 3 de junho. Esta será a estreia da intérprete portuguesa em Cabo Verde.

A organização dos CVMA avança em comunicado que o convite para esta artista que é “uma das intérpretes de maior sucesso da atual cena musical portuguesa (…) cumpre o desígnio de fazer dos CVMA um palco da lusofonia procurando a cada ano ter artistas e ritmos representativos dos países de língua portuguesa”.

Bárbara Bandeira de 21 anos, é filha do cantor português Rui Bandeira e tornou-se popular depois de participar no programa televisivo The Voice Kids, onde fez parte da equipa do mentor Anselmo Ralph.

Estreou-se profissionalmente na música em novembro de 2015, avança a nota de imprensa, com o lançamento do primeiro single “Crazy” e, em 2017, foi distinguida com o Globo de Ouro para Revelação do Ano.

Já venceu vários prémios e setembro do ano passado lançou a canção “Como Tu” em parceria com o cantor luso-angolano Ivandro que em apenas 4 dias atingiu o topo das músicas mais ouvidas das plataformas digitais Spotfy e Apple Music.

De recordar que esta é a primeira vez que a Gala dos Cabo Verde Music Awards acontece fora de Santiago. Segundo a organização, os bilhetes para o evento que acontece a 3 de junho já se encontram à venda online no site dos Cabo Verde Music Awards, sendo que o 1º lote está a um preço promocional de 2200 escudos (20 euros) para a gala, 1650 esc. (15 euros) para a After Party e 3300 escudos (30 euros) para os dois eventos.

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Agenda

Deixe um comentário