Centro Cultural do Mindelo acolhe apresentação do livro “A Última Lua de Homem Grande” de Mário Lúcio Sousa

O Centro Cultural do Mindelo recebe hoje a apresentação do livro “A Última Lua de Homem Grande”, do escritor cabo-verdiano Mário Lúcio Sousa, que envolve a um tempo líderes de mais de 20 países, incluindo o Papa.

A apresentação, que acontece no final da tarde de hoje, dará a conhecer este livro que foi finalista do Prémio LeYa, em 2021, que é um romance “notável com impacto mundial, que envolve a um tempo líderes de mais de 20 países – do Papa às grandes figuras do século XX– e homens e mulheres comuns, quantas vezes anónimos, de todo o mundo”, asseguram os promotores.

“Com uma vida cheia, mas apenas 49 anos e tanto por fazer, Amílcar Cabral regressa a casa certa noite para encontrar a morte à sua espera. Sem poder fugir aos tiros, cai junto do automóvel e, observando a Lua Cheia, reconstitui, em prodigiosas regressões e bastas reminiscências, todos os passos da sua vida pública e privada para compreender quem o terá assassinado e porquê, desvendando afinal a si mesmo o mistério que permanece até hoje”, lê-se na sinopse.

Na obra, Mário Lúcio Sousa faz com Amílcar Cabral, “aquele a quem os seus chamavam ‘Homem Grande’, um original e inusitado monólogo, revisita a infância, a relação com a mãe, a vida de estudante, os amores, as traições, o sonho da independência para as suas duas pátrias – Guiné e Cabo Verde – e põe a nu o absurdo de uma guerra, os meandros dos interesses internacionais e os desmandos do poder em África”.

A apresentação estará a cargo de Brito Semedo e contará com a presença online do autor.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Agenda