Renato Chantre inicia nova etapa da carreira com “Animal inna Carnival”

O show de estreia a solo do mindelense aconteceu no espaço B.Leza, em Lisboa e contou com a participação do luso-moçambicano Milton Gulli.

Após duas décadas a trabalhar como músico freelancer, Renato Chantre, artista mindelense radicado em Portugal, estreia-se a solo com o single “Animal inna Carnival”, que conta com a participação especial do luso-moçambicano Milton Gulli.

“Animal inna Carnival fala-nos da falta de liberdade e opressão do sistema presentes na sociedade em que vivemos. Renato Chantre apresenta-se a solo com uma linguagem afro reggae”, diz um comunicado da produtora Insulada.

Nascido e criado numa família de músicos na ilha de São Vicente, Renato Chantre começou a se interessar pela música desde tenra idade. Durante 20 anos trabalhou como músico freelancer tendo atuado com vários grupos e artistas como Eneida Marta, Kussondulola, Mercado Negro, Bonga, Orquestra Cesária Évora, Tito Paris, Jon Luz, Lura, Nancy Vieira, Elida Almeida, Dino D’Santiago, Richie Campbell, General D, Boss AC, entre outros.

Em 2007, juntamente com os também artistas mindelenses Henrique Silva e Lula’s formaram a banda Cachupa Psicádelica, que fez a sua estreia em Cabo Verde no passado mês de junho com um concerto no Centro Cultural Português, na cidade da Praia.

A estreia a solo do mindelense, conhecido pela sua versatilidade que vai do funk ao tradicional cabo-verdiano e africano no geral, aconteceu no passado sábado, 09, no palco do B.leza na capital de Portugal.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Agenda