São João: Munícipes do Porto Novo perguntam pelo museu das romarias em construção há uma década

Os porto-novenses continuam a aguardar pela construção do museu das romarias do Porto Novo, em Santo Antão, cujo projeto, a cargo da edilidade, iniciou-se em 2014, mas que foi suspenso pouco tempo depois.

Conforme constatou a Inforpress, os munícipes, numa altura em que Porto Novo celebra o santo padroeiro, o São João Baptista, têm perguntado pelo museu das romarias, que começou a ser construído há uma década e que continua por concluir.

A Inforpress soube que a conclusão do museu das romarias é um dos projetos constantes do Plano Operacional do Turismo (POT), podendo ser retomada ainda em 2024 no âmbito deste programa.

A conclusão do museu das romarias, que tem sido também muito reivindicada pelos agentes culturais, designadamente os ligados às festas de romaria, consta ainda do plano dos investimentos municipais para 20224.

A criação do museu nacional das romarias insere-se no quadro do projeto de salvaguarda das festas de romaria de São João no concelho do Porto Novo, que já contemplou a requalificação do roteiro das festividades e prevê ainda o restauro das capelas de São João Baptista na Ribeira das Patas e na cidade do Porto Novo.

Igualmente para este ano, a autarquia porto-novense prevê investir cerca de dois mil contos na promoção das festas de São João, desde 2017 património imaterial nacional, refere ainda o plano de investimentos.

Entretanto, no âmbito das actividades de São João, a autarquia porto-novense promove, quarta-feira, 18, uma conversa sobre a participação dos jovens na preservação da identidade cultural destas festas com o propósito de definir “estratégias de políticas culturais que promovam a participação efectiva da nossa juventude na salvaguarda” deste património.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest