Pãezinhos de Leite Caseiros

Não há muita coisa melhor do que uns pãezinhos de leite acabados de fazer. São perfeitos para lanches e pequenos-almoços.

Esta é uma receita básica com massa lêveda, o que significa que não podemos ter muita pressa, ela terá o seu tempo para levedar. Mas temos sempre o truque de aquecer ligeiramente o forno para funcionar como estufa. Nunca falha e torna tudo mais rápido.

 

Para garantir que o fermento está em boas condições ele tem de ser activado com o leite ligeiramente morno. Atenção que não pode estar quente senão matamos o fermento e depois a massa não cresce.

 

Para confirmarem que o fermento está bom, ele tem de borbulhar.

 

Consoante as marcas, pode borbulhar muito como este, ou menos… mas tem de borbulhar para mostrar que está vivo e de saúde!

 

Depois é seguir os passos que refiro na receita, e quando a massa levedar já podemos moldar os pãezinhos. Eu opto por fazer bolas porque é mais rápido do que estar a moldá-los no formato tradicional. E não se esqueçam que como vão crescer têm de deixar alguma distância entre elas.

 

Antes de irem ao forno, ainda têm de ser pincelados com gema de ovo e, se gostarem, polvilhados com um pouco de açúcar

   Ingredientes:

Leite

100 ml

Fermento seco de padeiro

1 saqueta (11 g)

Farinha para bolos sem fermento ou T65

 600 g

Açúcar

100 g

Manteiga derretida

100 g

Ovos

2 unidades

Raspa de Laranja (pequena)

1 unidade

Sal

1 pitada

Água

50 a 100 ml

Ovo batido ou manteiga derretida (pincelar)

q.b.

Açúcar (para polvilhar)

q.b.

 

Confecção:

 

Aqueça ligeiramente o leite. Misture o fermento e uma colher de chá de açúcar e deixe descansar uns 10 minutos, até espumar e crescer.


Na taça da batedeira, coloque a farinha. Faça uma cova no meio e deite aí o fermento, o açúcar, a manteiga derretida, os ovos, a raspa de laranja e a pitada de sal. Bata com acessório misturador até ter uma massa compacta.


Aqueça ligeiramente a água. Sempre com a máquina a funcionar a velocidade média/baixa, vá juntando a água a pouco e pouco até a massa ficar mais elástica, a colar-se ligeiramente aos dedos. Pode não ter necessidade de usar a água toda.


Mude o acessório da máquina, para o gancho de amassar, e amasse durante uns 5 minutos, até ficar com uma massa fofa e bem ligada.


Unte ou polvilhe a taça, coloque a bola de massa, tape com película ou pano (ou ambos) e deixe levedar para o dobro, ou mais, preferencialmente num local aquecido longe de correntes de ar.


Retire a massa levedada para a bancada. Faça bolinhas sem apertar a massa (entre 50 a 75 g de massa para cada pãozinho) e coloque-as, afastadas, num tabuleiro forrado com papel vegetal. Cubra com um pano e deixe levedar novamente para o dobro.


Depois de bem levedados, pincele os pãezinhos com a gema diluída num pouco de leite ou água. Polvilhe com açúcar (opcional) e leve a forno pré-aquecido a 180ºC durante cerca de 12 minutos. Se usar dois tabuleiros em duas prateleiras do forno, mude-os de posição a meio do tempo, para os pãezinhos dourarem por igual.


Retire do forno e deixe arrefecer. Sirva mornos ou à temperatura ambiente.

 

Confecção na Bimby (E Robots semelhantas):

 

Coloque o leite, o fermento e uma colher de chá de açúcar no copo e programe 1 min 30 seg/37°C/vel 1.

 

Aguarde 10 minutos até ficar espumoso.


Junte a farinha, o restante açúcar, a manteiga derretida, os ovos, a raspa de laranja e a pitada de sal e bata a velocidade 6 ou superior durante o tempo suficiente para ligar todos os ingredientes. Com a máquina em movimento, junte a água a pouco e pouco até a massa ficar mais elástica, a colar-se ligeiramente aos dedos. Pode não ter necessidade de usar a água toda.


Finalmente, amasse durante 5 min/vel espiga.


Coloque um pano sobre o copo e deixe levedar para o dobro – a massa vai crescer muito e sair bastante pelo bocal.


Depois, siga os passos 6, 7 e 8 da receita.

 

 

Notas:

 

Para não “matar” o fermento, é fundamental que o leite esteja a uma temperatura morninha. Como a temperatura da água para o banho de um bebé. Teste com o dedo. Se o leite estiver muito quente, “mata” o fermento e os pãezinhos não crescem.

 

Se a mistura de leite, fermento e açúcar não espumar é porque o fermento não está em condições. Deite fora e faça de novo.

 

O crescimento da massa é mais ou menos rápido, dependendo da temperatura ambiente. Pode ajudar a massa a crescer colocando-a num local ligeiramente aquecido – ligue o forno só para lhe dar um calor suave (máximo 40ºC), desligue, e coloque no interior a taça com a massa. Outra opção é aquecer LIGEIRAMENTE um pouco de água num tacho, colocar a taça com a massa sobre o tacho, sem que a taça toque na água. Coloca-se em local protegido para a massa crescer.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Pode gostar também

Deixe um comentário

Follow Us