Câmara Municipal de São Vicente manifesta sentimento de pesar pela morte de Dona Loutcha

A Câmara Municipal de São Vicente assegurou ser com “profundo pesar” que tomou conhecimento da morte da Maria da Luz Lopes, muito conhecida no Mindelo por Dona Loutcha e que “muito contribuiu para o desenvolvimento da ilha”.

Dona Loutcha foi proprietária de uma das primeiras residenciais existentes na cidade do Mindelo, a Residencial- Restaurante Chez Loutcha, e que ficou muito conhecida pelas suas tocatinas.


A Câmara Municipal, em nota de pesar, endereça, juntamente com os seus colaboradores, as “sentidas condolências” à família de Dona Loutcha, que “muito contribuiu para o desenvolvimento da ilha”.


Maria da Luz Lopes nasceu em São Vicente em 1936 e faleceu neste terça-feira vítima de doença prolongada.


Antiga emigrante, viajou com a mãe, segundo informações do site do Chez Loutcha, pela primeira vez para Santo Tomé e Príncipe, em 1952.


Em 1956, regressou para Cabo Verde, mas emigrou logo no ano seguinte para Senegal, onde fundou a sua primeira casa Chez Loutcha e também conhecida como uma das embaixadoras da cultura cabo-verdiana naquele país.


Em 1986, de volta à sua ilha natal, abriu uma pequena filial da Chez Loutcha na zona de Monte Sossego e em 1992 inaugurou o “Restaurante- Residencial Chez Loutcha” na Rua do Coco, centro da cidade do Mindelo, um local especializado em comida euro-africana e também de “boa música”.


Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest