Afrobasket’2025: Seleção de basquetebol está em processo de renovação dos jogadores

A selecção de Cabo Verde de basquetebol masculina está num novo processo de renovação dos jogadores que passa pelo lançamento e prospeção de novos atletas para o apuramento da primeira janela do Afrobasket’2025, sénior em Monastir, Tunísia.

Os treinos iniciaram esta sexta-feira no pavilhão desportivo Vavá Duarte, onde o selecionador cabo-verdiano da modalidade Emanuel Trovoada, considerou tratar-se do “momento ideal para isso” e que está a preparar “estes jovens que já estavam tão ansiosos à espera de uma oportunidade”, observou.

“Esta é uma oportunidade deles, de poderem dentro do campo também dar um passo em frente, como as outras gerações também tiveram. Estamos paulatinamente a ir, sem pressões de ninguém, fazemos a nossa parte. O “staff” tem estado a trabalhar, conhece bem os adversários e as gerações que possam aparecer”, explicou Trovoada.

Cabo Verde, segundo Emanuel Trovoada, vai partilhar o grupo com Uganda, Nigéria, e o vencedor da Líbia contra Marrocos, tendo esclarecido que a qualificação para o CAN’2025 consiste em duas janelas, de forma a passar os três primeiros para a fase do Afrobasket.

Emanuel Trovoada revelou que para esta operação, que se realiza de 23 a 25 do corrente na Tunísia, vai divulgar no início da próxima semana, a lista de 24 jogadores para os trabalhos de preparação, de modo a ter a convocatória definitiva dos 12 jogadores.

Tendo em conta que os jogadores que militam nos clubes profissionais, no estrangeiro só serão liberados a 19 do corrente, a Federação está a trabalhar no sentido de criar as condições para juntar os convocados num ponto crucial, Lisboa ou outra cidade, e a partir daí partir mais cedo para a Tunísia.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest