Analista: “Novo estado de emergência não seria o melhor caminho para a saúde das empresas no País”

O economista António Baptista considera que um novo estado de emergência não seria o melhor caminho para a saúde das empresas em Cabo Verde, apontando que agora é o momento de melhorarem a receita.

 

Em entrevista à Inforpress, numa análise sobre a educação financeira das empresas no arquipélago em tempos de crise, António Baptista disse que a saúde vem sempre em primeiro lugar, mas deve-se intensificar os planos de contingência e não sufocar ainda mais as empresas.


No seu entender, as empresas estão num momento em que há possibilidade de retoma e esta é uma forma de negociar com os fornecedores novas formas de pagamentos de créditos e outras despesas, que ficaram condicionadas com a pandemia.


“Agora é um momento para as empresas melhorarem o facturamento, pois foram vários meses em que a receita diminuiu e isso contribuiu ainda para um grande número de despedimentos no País”, assinalou.


Além disso, frisou, as estruturas de muitas empresas têm altos custos, com equipamentos, salários e outras despesas, mas com novas limitações acarretariam maiores dificuldades financeiras, levando muitas vezes ao encerramento das mesmas.


“Quando é assim, a alternativa é fazer uma avaliação dos activos e passivos numa patrimonial, e vender bens que não estejam ligados à produção”, atestou.


Nesta linha, sublinhou, a educação financeira é essencial, como factor orientador para que qualquer empresa ou empresário saiba lidar com situações provocadas por crises que podem perdurar a longo ou a curto prazo.


António Baptista, que é presidente da Associação de Promoção à Educação Financeira (Profin), disse que o grande problema de muitas empresas em Cabo Verde é a falta de liquidez, em que grande parte da “mortalidade” das mesmas estão associadas a dificuldade de fluxo de caixa, que está associada, por sua vez, à dificuldade nas receitas, no volume de negócios e também controlo de custos mais rigorosos.

Inforpress/Fim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Follow Us