Aeronave P3-C “Orion” da Força Aérea Portuguesa chega a Cabo Verde para cumprir missão de fiscalização de 13 dias

A Aeronave P3-C “Orion” da Força Aérea Portuguesa chega na tarde de hoje ao Aeroporto Internacional Nelson Mandela para cumprir uma missão de fiscalização durante 13 dias, informou a Embaixada de Portugal.

A missão, que acontece no âmbito do projecto “Africa Maritime Law Enforcement Partnership” (AMLEP) e decorre até 02 de Abril, tem como incumbência a fiscalização conjunta da Zona Económica Exclusiva (ZEE) de Cabo Verde envolvendo militares da Guarda Costeira do arquipélago.

“Durante 30 dias de missão, o Destacamento da Força Aérea Portuguesa irá realizar cerca de 100 horas de voo, visitando São Tomé e Príncipe e Cabo Verde, contribuindo para o estreitamento das relações de cooperação militar e diplomáticas entre Portugal e cada um dos países visitados e participando no esforço internacional em matéria de segurança marítima no Golfo da Guiné”, refere a mesma fonte, que adianta que a aeronave P3-C “Orion” partiu da Base Aérea de Beja desde dia 04 de Março.

A nota de imprensa realça ainda tratar-se de uma missão que tem como objectivo cumprir o tratado de fiscalização conjunta de espaços marítimos sob soberania ou jurisdição da República de Cabo Verde, assinado em 16 de Setembro de 2006.

O destacamento para esta missão, frisa a Embaixada de Portugal em Cabo Verde, é composto por uma aeronave P3-C “Orion” e uma tripulação de 38 militares, a ser comandado pelo major piloto-aviador Bruno Silveira.

A última missão da aeronave P3-C “Orion” a Cabo Verde ocorreu em Julho de 2022.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest