Assembleia Municipal de São Filipe reúne-se hoje para aprovar instrumentos de gestão para 2022

A Assembleia Municipal de São Filipe reúne-se hoje e sexta-feira, 26, na sua sétima sessão ordinária para, de entre outros, apreciar e aprovar os instrumentos de gestão, plano de actividades e orçamento, para o ano económico de 2022.

O orçamento do município para 2022, de acordo com a proposta distribuída aos eleitos municipais há uma semana, supera o valor dos 820 mil contos e é considerado pelo presidente da câmara como “o maior orçamento da história do município”.

Além dos instrumentos de gestão, durante dois dias os deputados municipais vão ainda apreciar a proposta da actualização do tarifário apresentado pela Associação dos Taxistas da ilha, apreciação e aprovação do orçamento rectificativo de 2021 da autarquia de São Filipe.

Duas propostas de protocolos e parcerias público/privada para a construção de duas praças, sendo uma com a Associação da Igreja Pentecostal, denominada de Templo da Restauração, e outra com o empresário Ângelo Centeio Barbosa.

Com relação ao Templo da Restauração, a Câmara de São Filipe vai disponibilizar uma área de 124 metros quadrados destinada a possibilitar a construção de uma igreja na zona de Xaguate, e esta vai financiar e executar a construção de uma praça/jardim na parcela de terreno destinada à área verde.

No protocolo de parceria com o empresário, a autarquia vai disponibilizar a área localizada em frente da pensão/restaurante Txon di Fogo, situada no bairro de Achada São Filipe, para a construção de uma praça/jardim com acesso e uso público, ficando o empresário com a responsabilidade de financiar e executar a construção da mesma.

Quer num caso como noutro, o Gabinete de Apoio Técnico da Câmara Municipal de São Filipe já emitiu o seu parecer favorável para a cedência da área para a construção das duas praças/jardins.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest