Covid-19: Milhares de profissionais de saúde chineses deslocam-se a Xangai para combater surto

Cerca de 10.000 médicos de várias regiões da China deslocaram-se a Xangai nos últimos dias para ajudar na luta contra a covid-19, uma vez que a cidade enfrenta um aumento de infecções, informaram as autoridades locais de saúde.

Segundo a agência de notícias chinesa, no domingo, milhares de profissionais médicos de áreas como Tianjin e das províncias de Hubei, Jiangxi e Shandong chegaram a bordo de dez trens de alta velocidade nesta megacidade de 25 milhões de pessoas.

“Todos os 30 membros de nossa equipa se ofereceram para este trabalho. Muitos deles estiveram envolvidos na luta contra a epidemia em Hubei”, disse Hao Shu’an, director de uma equipe médica da China no distrito de Jinnan, Tianjin.

De acordo com a mesma fonte, algumas equipas médicas já estão trabalhando em hospitais temporários e estão prontas para receber casos leves e portadores assintomáticos, segundo a comissão municipal de saúde de Xangai.

Mais de 650 profissionais médicos da província de Anhui estão trabalhando com uma equipa médica local em um hospital temporário de 2.700 leitos no distrito de Chongming. O hospital começou a receber o primeiro lote de 1.300 casos leves e portadores assintomáticos na noite de domingo.

Refira-se que, a parte continental chinesa registrou, no sábado, 1.455 novas infecções por covid-19 transmitidas localmente, informou a Comissão Nacional de Saúde no domingo.

Inforpress/Xinhua

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest