Defesa Nacional: “Exercício Granite Falco inaugura nova etapa na relevante e histórica cooperação entre Cabo Verde e os EUA” – Governo

A ministra da Defesa Nacional considerou hoje, em São Vicente, que o exercício Granite Falco, em curso na ilha, inaugura uma “nova etapa” na “relevante e histórica” cooperação no domínio na Defesa entre o país e os EUA.

Janine Lélis discursava no Centro de Instrução Militar do Morro Branco durante a cerimónia oficial que marca o ponto alto do exercício Granito Falco, no quadro do acordo e parceria entre Cabo Verde e a Guarda Nacional do Estado de New Hampshire, que decorre desde o dia 18, em São Vicente, um exercício conjunto, na esteira do acordo de parceria firmado a 04 de Fevereiro de 2022.

O exercício busca promover momentos de intercâmbio e troca de conhecimentos, através de treinos simulados, que vêm sendo realizados, em cenários reais de busca e salvamento, mas também de transferências aeromédicas.

Trata-se, segundo a ministra, de um treino de “extrema importância” que vai permitir às Forças Armadas “desenvolver e solidificar” as suas valências para o desempenho das missões que lhes são atribuídas, nomeadamente no âmbito do apoio ao Serviço Nacional da Proteção Civil e Bombeiros e às Autoridades de Saúde nas operações de transferências médicas de doentes.

“É um marco que fica registado num momento muito relevante e de virada para Cabo Verde, em especial para o sector da Defesa Nacional”, congratulou-se Janine Lélis, para quem os Estados Unidos têm sido “um dos parceiros estratégicos” do país, nos “mais diversos” domínios, sendo a cooperação firmada no domínio da Defesa e Segurança. Precisou, “um dos marcos mais visíveis” desta longa amizade entre os dois países.

Na mesma ocasião, o embaixador dos Estados Unidos, Jeff Daigle, referiu-se à já “longa história” de trabalho em conjunto que remonta gerações entre os dois Estados, baseada nos valores e entendimentos compartilhados.

“É uma honra estar aqui para compartilhar e colaborar com as vossas Forças Armadas, e, mais importante, numa parceria baseada na amizade”, pontuou o diplomata norte-americano.

Por seu lado, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, contra-almirante António Duarte Monteiro, lembrou que nestes dois anos de parceria com a Guarda Nacional do Estado de New Hampshire já foram realizadas 32 ações de intercâmbios entre militares cabo-verdianos e daquele Estado norte-americano, nos dois países.

Particularmente sobre o exercício, que decorre até o dia 09 de Abril, a mesma fonte indicou que, para além de militares, nele participam observadores oriundos de diversas instituições parceiras como hospital, delegacia de Saúde, bombeiros e Cruz Vermelha, entre outras.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest