Guardas Municipais da Praia iniciam na segunda-feira greve de três dias

As guardas municipais da Praia iniciam, na próxima segunda-feira, 23, uma greve de três dias, em protesto contra o incumprimento, por parte da Câmara Municipal, da maioria dos compromissos assumidos.

A greve, convocada Sindicato dos Trabalhadores do Comércio e Serviços (STCS), foi decidida após uma reunião tripartida de conciliação, mediada e promovida pela Direção Geral do Trabalho, realizada a 18 de Janeiro.

O presidente do STCS, Benito de Paula Gomes, disse à Inforpress que os grevistas reivindicam a atribuição de 30 por cento (%) do produto das coimas aplicadas durante o ano 2021.

No memorando de entendimento acordado com a autarquia, reforçou Benito de Paula Gomes, a mesma tinha prometido liquidar, até o passado Dezembro, o produto de coima que está previsto no Código de Postura Municipal referente ao ano 2021, mas que ainda não se efetivou .

“E durante a última negociação, a autarquia não deu nenhuma previsão quando irá fazer o pagamento, daí que não chegamos a um entendimento”, ajuntou.

Das demais reivindicações, o sindicalista apontou o desenvolvimento profissional, designadamente, promoções e progressões vencidas e não atribuídas, implementação do estatuto da Polícia Municipal e a sua regulamentação e fardamento.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest