Ministro quer pais na escola com mais frequência e promete reforço e melhorias na segurança

O ministro da Educação manifestou-se hoje satisfeito com a adesão massiva dos pais no início do ano letivo e disponibilizou-se para reunir-se com estes para trazer-lhos para a vida da escola com mais frequência.

Amadeu Cruz fez estas considerações quando questionado pelos jornalistas, à margem da visita efetuada hoje às escolas, sobre como avalia a participação dos pais na vida dos filhos e a sua relação com a escola.

“Este ano todos fomos surpreendidos pela adesão massiva dos pais no início do ano letivo, mas é preciso um melhor envolvimento e estou disponível para reunir-me com os estes para trazer-lhes para a vida da escola”, disse.

O governante que considera os pais como o primeiro responsável pela educação dos filhos, salientou ainda que sem estes não há educação.

Mesmo satisfeito com a adesão dos pais no início do ano letivo, o ministro admitiu a necessidade de estes aparecerem de vez em quando para saberem do desempenho dos filhos, do comportamento e darem sugestões, indicando que as direções das escolas estão orientadas para isso.

Quanto à segurança, Amadeu Cruz disse estar consciente da necessidade de se reforçar e melhorar a seguridade nas imediações das escolas.

Afirmou ainda a existência de um diálogo dentro do Governo, entre o Ministério da Educação e da Administração Interna, no sentido de se melhorar a eficácia do projeto Escola Segura com mais presença e policiamento em algumas escolas.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest