Paulo Rocha testemunha recolha de dados biométricos para regularização extraordinária de estrangeiros

O ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, assiste esta quinta-feira, 21, uma sessão de recolha de dados biométricos no âmbito do processo de Regularização Extraordinária de Estrangeiros, nas instalações do Mindelo Escola Internacional de Artes, em São Vicente.

Em comunicado, o Ministério da Administração Interna explica que esta recolha dos dados biométricos, que antecede a emissão do Título de Residência para Estrangeiros (TR), destina-se a aos cidadãos originários de países da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e demais nacionalidades que se encontrem em situação irregular.

Esta iniciativa, refere ainda a mesma nota, arrancou a 15 de Janeiro e terá a duração de cinco meses. O objectivo é “facilitar os pedidos de autorização de residência temporária, de forma moderna e inclusiva com recurso às novas tecnologias de comunicação, tornando-o mais célere, mais simples e menos burocrático, para uma melhor integração de todos os que escolheram Cabo Verde para viver”, lê-se no documento.

CD/JMVInforpress/FimThe post São Vicente: Paulo Rocha testemunha recolha de dados biométricos para regularização extraordinária de estrangeiros first appeared on INFORPRESS.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest