Autarca da Ribeira Grande de Santo Antão diz que sai com o sentimento de dever cumprido

O presidente da câmara da Ribeira Grande disse hoje, no seu último discurso na sessão solene da Assembleia Municipal, enquanto autarca, que sai com o sentimento de dever cumprido e ter dado o seu contributo para o desenvolvimento.

“Fizemos tudo? Não fizemos, há muita coisa que gostaríamos de ter feito, é verdade, mas tenho a plena consciência e saio com o sentimento de dever cumprido, de ter dado o meu contributo de forma como pude, enquanto presidente da câmara”, declarou Orlando Delgado, visivelmente emocionado.

Delgado informou que não vai terminar a sua carreira política, mas sim terminar a sua contribuição enquanto autarca e prometeu que, independentemente onde estiver, vai acompanhar todo o desenvolvimento de Ribeira Grande e de Santo Antão.

Segundo o edil, Ribeira Grande é um “exemplo” a nível de Cabo Verde daquilo que se pode falar da democracia plena a nível do município.

É que, conforme a mesma fonte, “podem discutir, discordar, a oposição apresenta as suas soluções”, mas depois disso sentam à mesma mesa “almoçam, brincam, e sobretudo nas sessões de Assembleia Municipal não há questão do tempo”.

“Esse é o meu quinto mandato e dos cinco que fiz a frente da câmara sempre tive maioria qualificada, ou seja, mais de dois terços dos deputados, mas isto não nos envaideceu” salientou.

Conforme Orlando Delgado pode-se discutir a perda da população que tem as suas razões, mas “não anula os dados e nem desmente” o facto de que deixa o concelho no terceiro lugar no índice de coesão territorial, a nível nacional.

Segundo o político, “não são números, são factos” que demostram toda a evolução que Ribeira Grande tem tido ao longo dos tempos.

“Levo a amizade e o respeito das pessoas, isso é que é importante, e, ao longo de todos esses anos, não há uma pessoa a nível do concelho que é capaz de dizer que o presidente da câmara o discriminou, ou lhe apoiou em função da sua cor política ou em troca de voto. Nunca fizemos porque sempre respeitamos os homens e as mulheres do nosso concelho”, finalizou.

Hoje comemora-se pela segunda vez nesta data, 07 de Maio, o Dia do Município da Ribeira Grande, que completa 292 anos da sua elevação à categoria de Vila da então povoação de Santa Cruz e da criação da Câmara Municipal de Ribeira Grande.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest