Autarquia enaltece contributo dos emigrantes no processo de desenvolvimento do município do Porto Novo

A Câmara Municipal do Porto Novo, Santo Antão, voltou hoje a destacar “o contributo” dos emigrantes no “processo de desenvolvimento económico, social, desportivo e cultural” deste concelho, que está a comemorar os 60 anos da sua criação.

Através de uma nota, a que a Inforpress teve acesso, a edilidade disse que “a comunidade emigrada tem sido uma parceira fundamental no desenvolvimento do município” ao longo dos 60 anos, contribuindo com projetos em vários domínios, com destaque para o económico e social.

Por isso, a autarquia anunciou, para dia 17 de Agosto, um encontro com os emigrantes, o segundo encontro em apenas dois meses, para “partilhar o trabalho que a autarquia tem desenvolvido no município”, com o apoio dos emigrantes, pretendendo neste encontro render homenagem aos conterrâneos.

Os investimentos dos emigrantes no município do Porto Novo incidem, sobretudo, na construção de habitação própria, uma atividade que tem contribuído para empregar “dezenas” de chefes de famílias.

A Inforpress constatou que os emigrantes têm investido também em empreendimentos económicos, com destaque na área da restauração.

As comemorações dos 60 anos da criação do concelho do Porto Novo, cujo ponto alto acontece a 02 de Setembro, Dia do Município, estão a ser marcados por vários eventos, destacando o arranque, esta sexta-feira, do sétimo encontro municipal da juventude porto-novense.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest