Cabo-verdianos residentes em Lisboa comemoram Nhu Santo Amaro em Monte Abraão

Os cabo-verdianos residentes na capital portuguesa comemoraram ontem, dia 22, o dia de Nhu Santo Amaro, participando da missa celebrada pelo padre Carlos Varela, que destacou a vida do homem que foi um dos “grandes discípulos de Cristo”.

O sacerdote, que no dia 15 de Janeiro presidiu à eucaristia em memória do padroeiro do Tarrafal de Santiago, pediu aos fiéis para seguirem o exemplo de Santo Amaro.

Além de dezenas de imigrantes, o acto religioso contou ainda com a participação do representante da Embaixada de Cabo Verde em Portugal, José Maria Silva, e, também, do vereador responsável pelo pelouro dos assuntos sociais da Câmara Municipal de Sintra.

Na ocasião, ao dirigir-se à assembleia, o diplomata cabo-verdiano realçou o apoio que a autarquia de Sintra tem dispensado à integração da comunidade cabo-verdiana radicada neste município.

“Ao olhar para esta assembleia, fiquei convencido que estão pessoas de diferentes continentes e de diferentes nacionalidades, pessoas unidas em fé em Cristo”, afirmou o representante da embaixada de Cabo Verde em Lisboa, salientando o apreço pelo padre celebrante pela homilia “pedagógica e inspiradora”.

José Maria Silva apelou, ainda, aos cabo-verdianos à entreajuda no sentido de se manterem unidos.

Depois da missa, os devotos de Nhu Santo Amaro confraternizaram-se à volta de um almoço no recinto exterior da igreja, com pratos típicos cabo-verdianos, nomeadamente a cachupa.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Follow Us