CAN’2023: Bubista diz que Cabo Verde quer ” fazer mais ” após o triunfo ante ao Moçambique

O selecionador nacional, Bubista, disse hoje, em Abidjan, na Costa do Marfim, que Cabo Verde quer “fazer mais” , após a vitória sobre o Moçambique, por 3-0, a contar para a segunda jornada do grupo B, do CAN’2023.

“Vamos tentar terminar a fase de grupos com responsabilidade e procurar no próximo jogo, com o Egipto, fazer um brilharete”, perpectivou Bubista, em conferência de imprensa, após o triunfo que garantiu a passagem para os oitavos-de-final da competição.

“Temos que recuperar os jogadores, porque jogamos numa temperatura bastante alta. A partir deste momento queremos fazer mais, claramente”, apontou.

Em relação à qualificação disse que o grupo está feliz, uma vez que, conforme observou, Cabo Verde está inserido num grupo com selecções bastante fortes e onde não era favorito.

“Sentimos felizes por já estarmos qualificado, tendo em conta a qualidade dos adversários do grupo, mas sempre pensamos que poderíamos qualificar”, ressalvou Bubista, avançando que Cabo Verde vai continuar a fazer tudo como equipa, ” respeitando os adversários e a competição”.

Em relação à vitória sobre o Moçambique ressaltou o espírito da equipa e a união dos jogadores, “não obstante, dispormos de jogadores com boas qualidades individuais”.

“Sabemos que o ego é o inimigo das equipas, por isso primeiro vem a união da equipa”, notou.
Para terminar, o seleccionador nacional pediu o apoio dos cabo-verdianos e ” que se divirtam com os jogos da selecção de Cabo Verde”.

Cumprida a segunda jornada do Grupo B, Cabo Verde (já qualificado à segunda fase) vence a poule B e lidera a tabela classificativa com seis pontos, seguida do Egipto com dois, do Gana e Moçambique com um cada.

Cabo Verde torna-se assim a primeira selecção das 32 nesta prova que decorre na Costa do Marfim a qualificar-se à fase seguinte, com pleno de triunfo nos dois jogos já realizados.

De acordo com o regulamento divulgado pela Confederação Africana de Futebol (CAF) passam à fase seguinte os dois primeiros classificados de cada grupo, mais os quatro melhores terceiros da fase de grupos.

Divisão dos grupos:
Grupo A: Costa do Marfim, Nigéria, Guiné Equatorial e Guiné-Bissau
Grupo B: Egipto, Gana, Cabo Verde e Moçambique
Grupo C: Senegal, Camarões, Guiné-Conacri e Gâmbia
Grupo D: Argélia, Burkina Faso, Mauritânia e Angola
Grupo E: Tunísia, Mali, África do Sul e Namíbia
Grupo F: Marrocos, RD Congo, Zâmbia e Tanzânia

Inforpres

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest