Cerca de 6 toneladas de plásticos importados ilegalmente apreendidos na Praia

A apreensão aconteceu na zona industrial de Achada Grande Trás, na cidade da Praia.

Cerca de seis mil quilos de plástico importados ilegalmente foram apreendidos nesta terça-feira, 16, na zona industrial de Achada Grande Trás, na capital do país. A apreensão resulta da “Operação Menos Plástico” realizada pela Direção Nacional de Receitas do Estado, através da Direção Geral das Alfândegas, em parceria com a Polícia Nacional.

Segundo um comunicado do Gabinete de Comunicação e Imagem do Governo, foram apreendidos 209 volumes de sacos de plástico embalados em sacos de ráfia, totalizando aproximadamente 6.000 kg (seis toneladas) e com um valor estimado de 1.200.000,00 escudos.

Segundo a mesma fonte, o operador fiscalizado não conseguiu comprovar a procedência da mercadoria e as informações encontradas nas embalagens e obtidas durante a preparação da operação indicam que os sacos de plásticos foram importados sem cumprir as formalidades exigidas.

“No âmbito desta ação de fiscalização foram detetadas várias infrações tributárias, à nível das contribuições e impostos, que resultou no levantamento de autos de notícia e instauração de um total de seis (6) processos de contraordenação estando os mesmos em fase de fixação de coima”, lê-se no mesmo comunicado.

É de realçar que a partir de hoje, 18 de abril, é proibido a entrada, em Cabo Verde, de plásticos de uso único, como os sacos não recicláveis ou não biodegradáveis, louças descartáveis e garrafa pet de menos de 0,5 litro. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest