CMRG desafia Associação de Xadrez de Santo Antão a criar escolas de iniciação

O vereador do desporto da Câmara Municipal da Ribeira Grande (CMRG), Paulo Rodrigues desafiou a Associação de Xadrez de Santo Antão (AXSA) a criar escolas de iniciação na modalidade.

É que, segundo o autarca, sem essas escolas o futuro do xadrez não estará garantido. Neste sentido Paulo Rodrigues afiançou que as edilidades em parceria com a AXSA vão continuar com a dinâmica do regresso do jogo do xadrez na ilha para fortalecer ainda mais esta modalidade desportiva.


“Antigamente tínhamos na comunidade da Garça muitas pessoas que jogavam xadrez, era uma comunidade dinâmica e queremos reactiva-la, e também chegar às escolas, pois conhecemos os benefícios que o xadrez traz para a juventude, para as comunidades e para as pessoas de uma forma geral”, salientou o vereador do desporto da CMRG.


Por sua vez o presidente da AXSA, Arlindo Rodrigues assegurou que desde sempre o objectivo inicial da associação era criar as escolas de iniciação. Entretanto a mesma fonte afirmou que devido à pandemia não conseguiram alavancar este projecto.


“Ainda também, vamos tentar filiar os clubes e levar o xadrez às comunidades onde não tem desporto” assegurou o presidente da AXSA que salientou que a associação vai aproveitar este momento do regresso do xadrez na ilha para conquistar e ensinar mais pessoas a jogarem xadrez.

 

Inforpress/ Fim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Pode gostar também

Deixe um comentário

Follow Us