Contas externas de Cabo Verde com evolução favorável no primeiro trimestre

As contas externas de Cabo Verde registaram uma evolução favorável no primeiro trimestre do ano, graças ao crescimento do turismo e moderação das importações, anunciou o banco central.

“Dados disponíveis apontam para uma evolução favorável das contas externas no primeiro trimestre de 2024”, lê-se no último Boletim de Indicadores Económicos e Financeiros do Banco de Cabo Verde (BCV).

Em março de 2024, “o stock das reservas internacionais líquidas aumentou cerca de 52 milhões de euros face ao período homólogo, fixando-se em 705 milhões de euros” o que garante 6,2 meses de importações de bens e serviços estimadas para o ano de 2024.

A evolução das contas externas no primeiro trimestre assenta “no desempenho positivo que se espera das exportações de serviços de turismo, no contexto do aumento (ainda que mais moderado) da procura externa turística, bem como, na moderação das importações de bens face ao enfraquecimento que se antecipa da procura agregada”, acrescenta.

As contas externas já tinham registado uma evolução favorável no quarto trimestre de 2023: “a balança corrente apresentou um superavit de 2.343,5 milhões de escudos (21,2 milhões de euros), o que compara com um défice de 1.320,9 milhões de escudos (11.9 milhões de euros) em período homologo do ano anterior”, lembra o BCV.


Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest