Covid-19: Mais de metade da população em Cabo Verde com vacinação completa

Vacina, covid-19

Covid-19: Mais de metade da população em Cabo Verde com vacinação completa

Mais de metade da população de Cabo Verde (50,9%) já tem a vacinação completa contra a covid-19, anunciou esta segunda-feira, 18, o primeiro-ministro, entendendo que é um sinal de “otimismo” para a retoma do turismo.

Ao presidir, na cidade da Praia, à abertura do primeiro Fórum Internacional de Turismo de Cabo Verde, o chefe do Governo anunciou que o país já atingiu 79,6% da população adulta vacinada com pelo menos uma dose e 50,9% com vacinação completa.

Esses dados foram reafirmados em conferência de imprensa pelo diretor nacional de Saúde, Jorge Noel Barreto, considerando que é um resultado “muito bom”.

“E isso irá melhorar cada vez mais a nossa proteção contra a covid-19”, previu o porta-voz do Ministério da Saúde, para quem a situação epidemiológica no país poderá ser um reflexo da campanha de vacinação.

Até ao momento, Cabo Verde recebeu 715.150 doses de vacinas e aplicou um total de 483.145 doses, representando 67,6% do total, ainda segundo Jorge Barreto.

Na conferência de imprensa, o diretor nacional de Saúde apelou às pessoas para se vacinarem com a primeira dose o mais rápido possível, para as autoridades concentrarem esforços em outros problemas de saúde.

Neste momento, Cabo Verde tem um RT de 0,80, taxa de positividade de 4,9% e uma taxa de incidência acumulada de 65 casos por 100 mil habitantes.

“A partir do momento em que tivermos também uma situação sistematicamente com uma taxa de incidência acumulada inferior a 25 casos por 100 mil habitantes, uma taxa de positividade inferior a 4% e uma taxa de transmissibilidade (RT) inferior a 1, aí sim estaremos numa situação de controlo em relação à covid-19”, apontou.

Nas últimas 24 horas, Cabo Verde registou mais nove casos de infeção pelo novo coronavírus, elevando para um total de 38.049 casos acumulados desde o início da pandemia, dos quais 347 resultaram em óbito, 37.307 considerados recuperados e 371 casos ativos.

A covid-19 provocou pelo menos 4.895.733 mortes em todo o mundo, entre mais de 240,60 milhões de infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.

 

Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest