Cabo Verde alcança medalha de bronze no Campeonato de Africano de Natação

A nadadora cabo-verdiana Jayla Pina alcançou hoje o terceiro lugar nos 50 metros bruços no Campeonato Africano de Natação que decorre em Accra, no Gana, colocando assim Cabo Verde no pódio pela primeira vez numa competição internacional.

Em declarações à Inforpress, o presidente da Federação Cabo-verdiana de Natação, Avelino Bonifácio, destacou esse feito para a atleta e para o País, sendo histórico Cabo Verde ter alcançado um pódio em competições internacionais na modalidade.

“O terceiro lugar é nosso, isto é histórico, o País e a Jayla estão de parabéns por conseguir a medalha”, assinalou.

O presidente federativo disse que a participação tem sido “bastante boa”, destacando que esta é a maior delegação de sempre numa competição de natação em provas internacionais, com oito elementos, dos quais seis são atletas, uma dirigente e um treinador.

“Temos dois atletas olímpicos que vieram dos Estados Unidos, Érica Soares de Dakar, como também dois atletas residentes em Cabo Verde”, informou.

Avelino Bonifácio avançou que a atribuição da medalha para a Jayla deverá acontecer na quinta-feira, e reiterou a importância da conquista para o desporto nacional e para a modalidade.

A comitiva nacional é formada pelos irmãos Jayla, Troy e Latroya Pina, que vivem nos Estados Unidos, mais três atletas residentes, Ailton Lima (campeão nacional), Cléo Stiven Lima e Érica Soares, nadadora do Tarrafal de Santiago e que actualmente vive no Senegal.

O Campeonato Africano de Natação ocorre de 12 a 17 de Outubro em Acra, Gana, esta que é a décima quarta edição do evento.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest