Qualificação CHAN: Cabo Verde ultima estratégia na Várzea para eliminatória com Serra Leoa

A seleção de Cabo Verde residente de futebol viaja esta quarta-feira para Marrocos, para as eliminatórias do CHAN com a Serra Leoa, com o plantel praticamente na sua máxima força e com olhos postos na vitória.

A viagem, inicialmente prevista para terça-feira, foi retardada em 24 horas, razão pela qual os convocados de Janito Carvalho voltaram a treinar esta manhã no Estádio da Várzea, o que para o selecionador principal poderá “apenas comprometer” a adaptação ao relvado do Estádio Marraquexe, assim como ao clima e as condições meteorológicas.

“O jogo vai ser às 15:00, sob um sol abrasador”, prognosticou Carvalho, que disse ter recebido os convocados praticamente bem integrados, com “pequenas mazelas propícias do final da época futebolística”, mas deixou transparecer alguma preocupação, porquanto alguns dos convocados estavam sem competir há já algum tempo.

Ainda assim, disse que o corpo clínico da seleção de Cabo Verde nesta eliminatória do Campeonato Africano das Nações Residentes (CHAN) implementou um plano de recuperação e que o grupo vai estar ao mesmo nível, porquanto acredita que a boa vontade demonstrada pelos atletas vai ser determinante para superar toda a barreira psicológica.

Ainda que a Serra Leoa se afigura como um adversário desconhecido para a equipa técnica, Janito Carvalho afiançou que Cabo Verde está focado num treino baseado na preparação da tática despoletada no estilo do jogo dos serra-leoneses, pois sublinhou que que Cabo Verde terá de tirar proveito do tecnicismo dos seus jogadores.

Por ser tratar de dois jogos em campos neutros, já que tanto Serra Leoa como Cabo Verde estão atualmente com estádios interditados pela Confederação Africana de Futebol (CAF), Janito Carvalho revelou que o facto de jogar fora de portas afeta os dois conjuntos, mas recusou que a pressão esteja apenas de um lado.

“Qualquer das equipas querem ganhar numa competição. Ambas as seleções estão pressionadas, portanto é 50/50. É importante para Cabo Verde não sofrer e marcar, sobretudo no primeiro jogo na condição de visitante.

É relevante ganhar fora, já que ainda prevalece o sistema de golo fora nesta competição. O nosso pensamento passa sempre pela vitória”, realçou.

Os jogos, de acordo com a organização, realizam-se na quarta-feira, 24, e domingo, 27, em Marraquexe. Os Tubarões Azuis jogam primeiramente na qualidade de equipa visitante (fora) e depois como seleção visitada (casa).

Caso Cabo Verde elimine Serra Leoa, a seleção nacional vai à segunda eliminatória defrontar o Mali, finalista vencido do último CHAN, que dá acesso ao campeonato africano, marcado para Janeiro na Argélia.
Lista dos convocados finais:

Guarda-redes: Keven Ramos “Ken” (Mindelense), Kelvi Lopes (Boavista da Praia) e Thery da Graça (Batuque São Vicente).

Defesas:  Gielson Borges (Académica da Praia), Panduru (Académica da Praia), Tiago (Boavista da Praia), Dá (Barreirense, Maio), Lela (Académica São Vicente), Dery (Académica São Vicente), Kiki (Palmeira, Sal), Fifa (Académica, Fogo), Rony (Sporting, Praia), Nelito (Académica da Praia), Tutucho (Botafogo, Fogo), Tiago (Travadores) e Jardel (Botafogo).

Avançados: Anderson (Académico do Sal), Henry (Sal Rei – Boa Vista), Tchukin (Académica São Vicente), Hendrik (Palmeira, Sal), Gogol (Académica, São Vicente), Patchick (Ultramarina, São Nicolau) e Kelton (Travadores).

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest