Tira Chapéu e Meio de Achada na final da sétima edição da Liga Stopira

As equipas de Tira Chapéu e Meio de Achada conseguiram hoje a passagem para a final da sétima edição da Liga Stopira de futebol, ao eliminarem o Flor Jovem e São Filipe, respetivamente.

Em jogos da segunda-mão das meias-finais, realizados no Estádio da Várzea, o Tira-Chapéu empatou sem golos com o Flor Jovem e beneficiou da igualdade a duas bolas na partida da primeira-mão por ter jogado na qualidade de visitante.

Já o Meio de Achada, a jogar em “casa” venceu a formação de São Filipe por 2-1 e segue para a final após o 2-2 conseguido no primeiro jogo.

A final está marcada para domingo, 31, às 09:00, no Estádio da Várzea, na Cidade da Praia.
Inicialmente calendarizada para o Municipal da Calheta, no interior de Santiago, a meia-final foi transferida para a Cidade da Praia, justificada pela organização, por razões de ordem logística.

A sétima edição da Liga Stopira em futebol arrancou a 03 de Junho nos campos de Sucupira e Tira-Chapéu e homenageia o falecido dirigente da Escola Kriolinhos, Marcos Borges, em sinal “de reconhecimento da sua obra”.

A edição 2022 da Liga Stopira, de acordo com o mentor da prova, Barrusco, é destinada a atletas nascidos a partir 2001 e 2002, no formato de três grupos de quatro equipas cada, em que passaram à segunda fase, isto é, às meias-finais, os vencedores de cada grupo mais o segundo melhor classificado.

A fase de grupos foi disputada nos Campos de Achada de Santo António, mas conhecido por Campo Sucupira, e de Tira-Chapéu.

De acordo com a calendarização, as equipas de Achada Grande, Esperança, Tira-Chapéu e Tigerfoot constituíram o Grupo A, Flor Jovem, Escola Tropa, EFIP e FSOD estiveram na poule B, ao passo que Kriolinhos, Fontão, São Filipe e TMT partilharam o grupo C.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest