Agricultores em Alto Mira prevêem instalação ainda este ano do entreposto agrícola

Os agricultores em Alto Mira, Porto Novo, Santo Antão, acreditam que o entreposto agrícola previsto para esta zona será instalado ainda no decorrer deste ano de 2022, para apoiar os produtores no tratamento e comercialização dos excedentes.

O presidente da Associação dos Agricultores de Alto Mira, Idarlino Fortes, disse hoje à Inforpress que os lavradores estão esperançados em que o entreposto agrícola seja implementado ainda em 2022, dada a necessidade que uma infra-estrutura do tipo deixa ao sector agrícola neste vale, “um dos mais produtivos da ilha de Santo Antão”.

Além de um entreposto agrícola, o projeto, que está a cargo do Ministério da Agricultura e Ambiente e do Centro Agrícola Internacional espanhol (Cerai), inclui ainda a criação da cooperativa agrícola neste vale para apoiar os produtores na diversificação de culturas e na organização do mercado.

Segundo o presidente da Associação dos Agricultores de Alto Mira, há “muita expectativa” dos lavradores em relação ao projeto, no âmbito do qual está ainda previsto um centro de transformação agro-alimentar.

Com o embargo, que vigora desde 1984, os excedentes agrícolas de Santo Antão não podem ser exportados para as outras ilhas agrícolas, razão pela qual os agricultores, como forma de contornar esta situação, têm vindo a apostar na transformação.

No caso de Alto Mira, Idarlino Fortes lembrou que se trata de um desígnio dos agricultores que têm estado a enfrentar o problema de mercado, informando que o projeto do MAA e do Cerai visa ainda apoiar a classe na diversificação de culturas.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest