Brava: XII edição da Feira da Agropecuária com início agendado para 21 de junho

A 12ª edição da Feira da Agropecuária da Ilha Brava, intitulada Feira Agropecuária e Inovações-FAI’23 decorre de 21 a 23 de Junho, na cidade de Nova Sintra, e pretende montar 30 stands de diversas índoles.

A informação foi avançada à Inforpress pela comissão organizadora da delegação do Ministério da Agricultura e Ambiente na ilha, reforçando que esta edição está a ser organizada em parceria com a Câmara Municipal da Brava, contando também com os inputs de outros parceiros e de toda a comunidade civil.

O evento é realizado anualmente no decorrer da programação das actividades de comemoração do dia do município e da festa do santo padroeiro, São João Baptista, celebrados a 24 de Junho, e tem como objectivo “promover o desenvolvimento da economia agrária e impulsionar a competitividade do sector”.

O intuito é apresentar uma programação abrangente e diversificada com vista no fortalecimento dos laços entre produtores, criadores, empresários e a comunidade em geral, de forma a incentivar o intercâmbio de conhecimentos, experiências e oportunidades.

Segundo a comissão organizadora, o lema escolhido para esta edição, “Fortalecendo a competitividade no sector da economia agrária”, reflecte a determinação do MAA em “impulsionar a inovação, eficiência e sustentabilidade no campo”.

Pois, ressaltou que o MAA reconhece que a agropecuária é “fundamental” para a economia da ilha, devendo por isso, fortalecer as práticas, tecnologias e estratégias visando um crescimento sólido e duradouro deste sector.

Pretende-se, igualmente, “promover e valorizar os produtos Made in Brava” com a exposição de produtos agropecuários, pesqueiros e artesanatos, com o objetivo de fortalecer a economia local, mas também a promoção da troca de conhecimentos, apresentação de inovações tecnológicas, profissionalização do sector primário, estimulação de práticas de consumo sustentável, diversificação do turismo e cultura na ilha, fortalecer a competitividade do sector agrário, entre outros aspetos.

Sobre a identidade dos expositores, a comissão avançou que haverá participantes da Brava, mas que também foram convidados outros da ilha do Fogo e da programação, além da exposição dos produtos, haverá momentos de informação, workshops, palestras, conversas abertas, entre outras.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest