Estrada Cidade Velha/Santana numa extensão de 12 Km vai ser inaugurada no dia 21 do junho

A estrada que liga Cidade Velha, Salineiro e Santana, numa extensão de 12 quilómetros, já está praticamente reabilitada e asfaltada, num investimento do Governo em mais de 214 mil contos, cuja inauguração acontece no dia 21 de Junho.

Dotada de uma faixa de rodagem pavimentada em betão betuminoso, com uma extensão de 12 quilómetros, numa largura de plataforma de seis metros, sendo 5,5 destinada a faixa de rodagem e 0,25 metros para bermas de cada lado, a via, no final de obras, conta ainda com órgãos de drenagem transversal e longitudinal.

Totalmente remodelada no concelho da Ribeira Grande de Santiago, no quadro do Programa de Reabilitação Requalificação e Acessibilidades – PRRA, a rodovia insere-se no quadro do programa de investimentos públicos do Executivo, visando impactar “positivamente a qualidade de vida das pessoas”.

Executada com o propósito contribuir para o desencravamento destas localidades e desenvolvimento da economia local, designadamente agricultura, pecuária, comércio e turismo, a rodovia tem ainda o propósito de melhorar substancialmente as condições de tráfego e acessibilidade na região.

O vice-primeiro-ministro visitou a obra na sua fase final, esta manhã, e considerou um privilégio estar a presenciar este “forte investimento” do Governo, convicto de que possa criar “condições melhores para o povo desta região e deste município e que vai permitir garantir as condições” para a melhoria da agricultura, pesca, indústria, agro-industria, turismo bem como o acesso das pessoas à saúde e à educação.

“A estrada é muito importante. Isto faz parte de um pacote muito vasto do Governo que vai investir em infraestrutura em Cabo Verde. Um pacote do Ministério das Infraestruturas e Ordenamento do Território, que vai abranger vários municípios”, referiu Olavo Correia, que aproveitou o dia de hoje para se inteirar do andamento de outras estradas em obras em Santiago.

Asfaltagem/reabilitação da Estrada Nazaré, em Praia Baixo (no concelho de São Domingos), estrada Salina/Pedra Badejo/Ribeira dos Picos (Santa Cruz) e a via que liga Achada Igreja a Fazenda (Tarrafal) afiguram-se como estradas que recebem visita do também ministro das Finanças, para quem são obras muito importantes não só para Cabo Verde, como, mas também para a África.

Referiu que o continente tem um défice de infraestruturas relevantes, salientando que por ano são mais de 290.000 milhões de euros em termos de “gab” de infraestruturas, razão pela qual considerou ser determinante um país investir em áreas como infraestruturas, (modernas qualificadas e competitivas), capital humano (qualificar pessoas) e nas instituições.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest