Mais de 130 agricultores já receberam parcelas agrícolas na zona baixa do município do Porto Novo

Mais de 130 agricultores dos diferentes perímetros agrícolas na zona baixa do município do Porto Novo (Lajedim, Ribeira Corujinha, Casa de Meio e Ponte Sul) receberam, até agora, parcelas agrícolas cedidas a título definitivo pelo Estado.

Estes dados foram avançados hoje pelos deputados do Movimento para a Democracia (MpD) eleitos pelo círculo de Santo Antão, que, este domingo, estiveram em contactos com os agricultores destes perímetros para auscultar os seus problemas.

A maior preocupação prende-se com a Casa de Meio onde, há oito meses, o sistema fotovoltaico utilizado na produção de água para rega está inoperante, situação que tem contribuído para o aumento do custo de água para a agricultura, segundo o representante dos lavradores, Hipólito Lima.

Este responsável garantiu à Inforpress que a Associação dos Agricultores em Casa de Meio está a investir na reposição dos painéis solares, tendo já disponibilizado cerca de um milhar de contos para o efeito.

Os deputados, segundo o parlamentar Armindo Luz, aproveitaram para socializar a linha de crédito de 300 milhões de escudos que o Governo de Cabo Verde coloca à disposição dos agricultores, criadores de gado, cooperativas, associações e empresas, para o financiamento de projetos agrícolas.

Com taxa de juros até 3,5 por cento (%), com garantias cobertas pela Pró-Garante em 80%, período de carência de até seis meses (capital e juro) e prazo máximo de pagamento até 10 anos.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest