Olavo Correia desafia empresas cabo-verdianas a aproveitarem as oportunidades na área de conteúdos

O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, considerou ontem, dia 6, que o projecto de Plataforma de Conteúdos Multimédia constitui um novo desafio para o país, mas também uma oportunidade a ser aproveitada pelas empresas cabo-verdianas.

Olavo Correia, que tutela também a pasta de Fomento Empresarial e também a da Economia Digital, falava aos jornalistas, esta tarde, momentos antes da apresentação pública da Plataforma de Conteúdos Multimédia, promovida pela Cabo Verde Broadcast (CVB).

O governante, que realçou que a plataforma “multiscreen” vai permitir às empresas cabo-verdianas produzirem conteúdos para distribuição através deste projecto, sublinhou que a mesma constitui um desafio, mas também uma oportunidade para os empresários da área de produção de conteúdos, como eventos, desportos, cultura, teatro e cinema.

“Cabo-verdianos que estão no país e na diáspora podem produzir conteúdos e não vão se preocupar com a distribuição, porque temos uma plataforma que vai permitir e garantir a distribuição a um custo que seja abordável para as empresas, para que possamos incentivar essa indústria criativa que tem um enorme potencial em Cabo Verde”, disse.

Entretanto, o ministro destacou o trabalho feito pela Cabo Verde Broadcast, sobretudo, a nível da Televisão Digital Terrestre, uma vez que este projecto está a atingir as empresas cabo-verdianas e criando oportunidades.

Na mesma linha, assegurou que vão estimular as empresas que trabalham ao nível do ecossistema para apoiar as empresas que pretendem produzir conteúdos, a nível do sistema de financiamento, bonificação de juros, sistema de partilha de risco, por forma que essa indústria possa ganhar escala, dimensão, criar empregos, mas também promover Cabo Verde enquanto país capaz de apostar nas indústrias criativas, nos talentos e na criatividade dos seus jovens e das suas mulheres.

Na ocasião lembrou que neste momento a cobertura de TDT está em 99%, mas sublinhou que a Cabo Verde Broadcast está a trabalhar para atingir os 100% ainda este ano.

“Nós estamos agora em 99% e espero que nos próximos meses possamos celebrar Cabo Verde com uma cobertura de 100%, é um facto histórico, resulta de um trabalho enorme feito por uma equipa vasta ao nível da CVB, mas também de todos os parceiros que trabalharam connosco neste projecto”, precisou.

Olavo Correia adiantou, entretanto, que nos próximos dias serão inaugurados novos centros, sendo que a equipa está a trabalhar para rapidamente atingir as zonas que estão ainda sem acesso.

A plataforma “multiscreen” é um projecto que vai permitir aos produtores de conteúdos disponibilizarem os seus produtos de forma versátil e monitorizar, permitindo assim aos telespectadores conectar, independentemente do tipo de terminal, ou seja, pode ser através de um smartphone, smart TV ou mesmo um computador.

Avaliado em 20 mil contos, a ideia é que o projecto entre em funcionamento ainda no decorrer deste ano, anunciou o presidente do Conselho da Administração da CVB, Luís Ramos.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest