Presidente da câmara de Santa Cruz prevê conclusão das obras da estrada da Ribeira dos Picos para Julho

As obras da estrada de penetração da Ribeira dos Picos, no município de Santa Cruz, no interior de Santiago Norte, deverão estar concluídas em Julho próximo, permitindo desta feita desencravar uma das ribeiras mais produtivas do País.

A garantia foi dada esta quinta-feira, 05, à imprensa pelo presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz, Carlos Silva, após visitar, na companhia da ministra da Coesão Territorial, Janine Lélis, esta obra que, segundo o Governo, vai criar facilidades enormes aos agricultores, gerando impactos na economia desse município santiaguense.

Trata-se de uma estrada com aproximadamente 10 quilómetros de extensão (km), financiada pelo Banco Mundial num valor de cerca de 300 mil contos.

O autarca, que lembrou que se está perante a “maior ribeira agrícola do País”, assegurou que a primeira fase da estrada da Ribeira dos Picos vai estar concluída e inaugurada por ocasião das festividades do santo padroeiro, São Tiago Maior, a assinalar-se-á a 25 de Julho próximo.

Na ocasião, o edil santa-cruzense adiantou que o município já está a negociar a construção da segunda fase dessa estrada que vai ligar aos municípios vizinhos de São Salvador do Mundo e Santa Catarina.
Se tal acontecer, assegurou que vão garantir o desenvolvimento da região numa perspectiva do “Eixo Sotavento”.

Este projecto [Eixo Sotavento], conforme explicou vai ser feito, através da ligação Santiago Norte/Fogo via Ribeira da Barca, Santa Catarina, e Santiago Norte/Maio via Pedra Badejo, Santa Cruz.

A este propósito, informou que com a conclusão da estrada de penetração da Ribeira dos Picos o município vai precisar de um cais comercial, tendo informado que o município que dirige já está a negociar com o Governo para a sua materialização.

“Estamos a falar de um corredor com mais de 60 por cento (%) da população de Cabo Verde e com mais de 60 % do Produto Interno Bruto (PIB) do País. Portanto, estamos a falar de um corredor muito importante para o processo de desenvolvimento de Santa Cruz, da ilha de Santiago e de Cabo Verde (…)”, concretizou.Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest