Produtores do Tarrafal de Monte Trigo querem colocar o inhame nas diferentes ilhas do arquipélago

Os produtores do inhame no Tarrafal de Monte Trigo, Porto Novo, em Santo Antão, têm como meta colocar este produto nos principais mercados em Cabo Verde com a operacionalização do entreposto agrícola dessa localidade.

A Inforpress soube junto da Associação dos Agricultores do Tarrafal de Monte Trigo que a entrada em funcionamento deste centro de inspeção, tratamento e embalagem dos produtos agrícolas traz “melhores dias” para o inhame, produto muito procurado em ilhas como Sal, Boa Vista e Santiago.

O presidente da associação local dos agricultores, Odorico Lopes, avançou à Inforpress que “um dos maiores desejos” dos produtores do inhame é fazer chegar este produto aos principais mercados nacionais, encarando também a possibilidade de exportá-lo para o estrageiro.

A operacionalização do entreposto agrícola, que acaba de ser instalado no Tarrafal de Monte Trigo, vai facilitar a exportação do inhame e de outros produtos cultivados nesse vale agrícola, segundo o delegado do Ministério da Agricultura e Ambiente no Porto Novo, Joel Barros.

Assegurou que o entreposto agrícola do Tarrafal de Monte Trigo já está pronto, acreditando que este investimento trará “boas perspetivas” à atividade agrícola na localidade.

Este entreposto agrícola, segundo o delegado daquele ministério, vai facilitar a exportação dos excedentes agrícolas, que tem sido condicionada devido ao embargo imposto há 40 anos aos produtos agrícolas de Santo Antão devido à praga dos mil pés.

Tarrafal de Monte Trigo é um dos poucos vales em Santo Antão ainda livre da praga dos mil pés, mas os produtores agrícolas locais têm estado sujeitos também ao embargo.

A instalação do entreposto agrícola insere-se no âmbito de um projeto financiado em 18 mil contos pelo Ministério da Agricultura e Ambiente, que incluiu ainda a construção de reservatórios de água e instalação de sistemas de rega gota a gota nesse vale agrícola.

Tarrafal de Monte Trigo é um dos maiores produtores do inhame em Cabo Verde, com uma produção anual à volta de 700 toneladas, mas os produtores têm tido dificuldades na colocação do produto no mercado nacional devido ao embargo.

Além do inhame, Tarrafal de Monte Trigo produz a mandioca, a batata comum, além de outros produtos, que vão passar a ser tratados e embalados no entreposto agrícola.

Este é o segundo entreposto agrícola instalado no concelho do Porto Novo, depois da Ribeira da Cruz.

Os agricultores em Alto Mira desejam também a instalação de um centro de tratamento pós-colheita, segundo a associação de classe.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest