Quase 200 jovens beneficiaram já de formação profissional, diz autarca portonovense

Quase 200 jovens beneficiaram já de formação profissional no município do Porto Novo, com a realização de várias ações em áreas como lavadores de carros, cuidadores de infância, cozinha e restauração, recursos humanos, cuidadores de idosos, topografia.

A informação foi avançada hoje pelo vereador Valter Silva, responsável pela área da formação profissional, na abertura de mais uma formação profissional neste concelho nos domínios de serviços de alimentação e bebidas e de sistema fotovoltaico e energias renováveis destinada a 46 jovens.

Este autarca, que enalteceu mais esta iniciativa de qualificar a mão de obra no concelho do Porto Novo, lembrou que quase 200 jovens locais foram já contemplados com formações em áreas como lavadores de carros, cuidadores de infância, cozinha e restauração, recursos humanos, cuidadores de idosos, topografia, entre outras.

Valter Silva reiterou que a Câmara Municipal do Porto Novo está “engajada” na concretização do projeto de criação do centro de emprego e formação profissional deste município, por forma “a facilitar que todos os jovens, tanto da cidade como do interior, tenham acesso a formação profissional”.

A formação nas áreas de serviços de alimentação e bebidas e de sistema fotovoltaico e energias renováveis resulta de uma parceria entre o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), a Câmara Municipal do Porto Novo e a Escola Técnica João Varela.

O diretor do Centro de Emprego e Formação Profissional de Santo Antão, Dirceu Rocha, enalteceu a importância das duas formações, que, explicou, visam qualificar os jovens tanto na área das energias renováveis como no turismo, “com vista a garantir uma mão de obra cada vez mais qualificada tanto dentro como fora da ilha de Santo Antão”.

Ambas as formações representam um investimento à volta de cinco mil contos.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest