Santa Cruz: Orçamento para 2022 prioriza questão sanitária e incentivos às famílias e empresas

A Câmara Municipal de Santa Cruz já tem aprovado o seu orçamento para 2022, avaliado em 609 milhões de escudos e o respectivo plano de actividades, que prioriza a questão sanitária e incentivos às famílias e empresas.

A informação foi avançada à Inforpress, pela vereadora da administração e finanças da edilidade, Jamira Duarte, precisando que em relação ao ano económico de 2021 houve uma redução de seis por cento (%) “levando em conta a situação pandémica que o mundo e o país está a viver”.

“Procuramos ao máximo ter um orçamento realista, com uma diminuição de seis por cento em comparação ao ano passado (…) precavendo todas as necessidades do município, se trata de um orçamento ajustado ao contexto e às necessidades das famílias e das empresas”, justificou.

Por isso, avançou que o plano de actividades vai destacar incentivos às empresas, “com a redução de algumas taxas”, a criação de condições para o relançamento das actividades económicas, assim como o fomento do rendimento para as famílias.

“O enfoque é o investimento na questão sanitária para criar condições para as famílias, com a construção de casas de banho, reabilitação de habitações, assim como o incentivo na criação de rendimentos para poderem ultrapassar este momento de sufoco”, sublinhou a vereadora de administração e finanças da Câmara Municipal de Santa Cruz.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Follow Us