ERIS manda recolher medicamentos contendo ácido nalidíxico

A Entidade Reguladora Independente da Saúde (ERIS) determinou a suspensão da comercialização e recolha do mercado de todos os medicamentos contendo ácido nalidíxico, por causa de “reacções adversas”.

Segundo a reguladora, esta suspensão surge na sequência de um parecer emitido pela Comissão Nacional de Farmacovigilância (CNF), em resposta a um pedido de avaliação técnica do relatório de análise benefício-risco de medicamentos contendo ácido nalidíxico.


“Recomendou-se a suspensão da comercialização dos medicamentos contendo ácido nalidíxico no País, tendo em conta as reacções adversas associadas a esses medicamentos e a possibilidade da utilização de outros medicamentos essenciais disponíveis no País, no tratamento de infecções do trato urinário, causadas por microrganismos gram-negativos sensíveis”, lê-se na deliberação.


A mesma fonte afirma que o ácido nalidíxico consta da Lista Nacional de Medicamentos (LNM) e os medicamentos que contêm esse ingrediente activo estavam a ser comercializados em Cabo Verde, sendo indicados para o tratamento de infecções do trato urinário e intestinais por microrganismos gram-negativos sensíveis ao ácido nalidíxico.


Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Pode gostar também

Deixe um comentário

Follow Us