Legislativas 2021/Santiago Norte: Cabeça-de-lista do PP diz que população está “desacreditada com os sucessivos governos”

Cabeça-de-lista do Partido Popular (PP) Santiago Norte

Legislativas 2021/Santiago Norte: Cabeça-de-lista do PP diz que população está “desacreditada com os sucessivos governos”

O cabeça-de-lista do Partido Popular (PP), Arlindo Mendes, afirmou hoje que a população dos diferentes municípios de Santiago Norte está “desacreditada com os sucessivos governos” e o “não cumprimento das promessas eleitorais”.

Arlindo Mendes fez estas declarações à Inforpress, durante o contacto porta-a-porta que realizou hoje no concelho de Santa Cruz, para a apresentação das propostas do PP, considerando que o município de Santa Cruz está “completamente esquecido”.


“Trouxemos uma mensagem de esperança porque as pessoas estão desacreditadas com os sucessivos governos que prometem, mas não cumprem as suas promessas, mostrar-lhes que somos um partido diferente, que está ao lado povo e que se nos derem um voto de confiança no dia 18 de Abril, seremos uma força politica que prioriza as pessoas”, realçou.


Apontou a carência de água e problemas de acessibilidade como questões prioritárias que o PP promete resolver caso merecer a confiança do eleitorado.


“Vimos que a população local enfrenta grandes problemas de acessibilidade, de água que nós prometemos resolver caso PP for governo ou eleger deputados sendo uma força política com influência no parlamento”, afirmou, destacando as potencialidades no sector da água existentes na localidade de Matinho, no concelho de Santa Cruz.


O PP, prosseguiu, promete “apostar fortemente” na construção de furos para proporcionar às pessoas o acesso a água potável, salientando que com isso as famílias estarão em condições para a criação de hortos familiares e melhorar a sua qualidade de vida.


Às legislativas do dia 18 para eleição de 72 deputados em 13 círculos eleitorais, dos quais dez no País e três na diáspora, concorrem seis partidos – PAICV, MpD, UCID, PTS, PSD e PP.


PAICV, MpD e UCID concorrem em todos os círculos, PP em seis círculos (Santiago Sul, Santiago Norte, Boa Vista e os três da diáspora), PTS também em seis círculos (São Vicente, Santiago Sul, Santiago Norte e três diáspora), e PSD em quatro círculos (Santiago Norte, Santiago Sul, América e África).


As últimas eleições legislativas em Cabo Verde ocorreram no dia 20 de Março de 2016, tendo o Movimento para a Democracia (MpD) vencido com maioria absoluta, ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três.


Inforpress/Fim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest