Moçambique regista primeiro caso da varíola de macaco na capital

O ministro da Saúde de Moçambique informou nesta quinta-feira, 6, que o país registou o primeiro caso da varíola dos macacos

Armindo Tiago disse que o paciente é um homem, adulto, que tem um historial de viagem e teve resultado positivo quando foi submetido a teste em Maputo.

As autoridades estão agora a rastrear todos os contactos possíveis para que sejam submetidos ao teste.

A varíola dos macacos é transmitida pelo vírus monkeypox, que pertence ao género orthopoxvirus.

É considerada uma zoonose viral – o vírus é transmitido aos seres humanos a partir de animais – com sintomas muito semelhantes aos observados em pacientes com varíola, embora seja clinicamente menos grave.

A Organização Mundial da Saúde diz que o período de incubação do vírus é geralmente de seis a 13 dias, mas pode variar de cinco a 21 dias.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest