O jogador mais valioso no Mundial do Qatar não é quem se pensa

O jogador mais valioso no mundial de futebol do Qatar não é nenhuma das habituais estrelas a que geralmente se associam às centenas de milhões de dólares do valor das transferências.

O conceituado portal CIES Football Observatory, sediado na Suíça e que estuda as mais diversas facetas do futebol através do mundo, disse que o jogador mais valioso neste mundial é Jude Bellingham,, da seleção de Inglaterra, com um valor de transferência estimado em cerca de 209 milhões de dólares.

Bellingham tem 19 anos de idade e joga no Borussia Dortmund da Alemanha como meio campista.

Iniciou a sua carreira no Birmingham City, de onde foi transferido para o Borussia em Julho de 2020, quando tinha 17 anos de idade por cerca de 29 milhões de dólares.

O CIES Football Observatory coloca em segundo lugar na lista dos mais valiosos neste campeonato do mundo o brasileiro Venicius do Real Madrid avaliado no mercado de transferências em 206 milhões de dólares.

Kylian Mbape, do Paris St. Germain, está em terceiro lugar, Pedri Gonzalez. do Barcelona. em quarto. e o português Ruben Dias. em quinto lugar

A seleção mais cara deste mundial é a da Inglaterra cujo valor total dos seus jogadores em 1.548 milhões de dólares, seguido do Brasil (1.502 milhões de dólares) e França (1.381 milhões de dólares).

A seleção de Portugal aparece em quinto lugar com um valor total de 1.192 milhões de dólares.

A seleção africana mais valiosa no mundial é a do Senegal cujos jogadores estão avaliados na sua totalidade em 325 milhões de dólares.

Bayern de Munique é o clube com mais jogadores no mundial

O portal The Athletic fez, por outro lado, um estudo aos clubes a que pertencem os jogadores nas várias seleções no mundial e o Bayern de Munique está no topo, com um total de 17 jogadores nas diversas seleções, seguido do Manchester city e Barcelona, ambos com 16.

A Premier League, de Inglaterra, é o campeonato com mais jogadores no Mundial (134), seguida da liga espanhola, com 83 jogadores, e da Bundesliga da Alemanha com 76.

Os velhotes e os miúdos

As seleções mais velhas do mundial são as do Irão e da Bélgica com 29 anos de idade média dos seus jogadores.

O Gana tem a a seleção mais jovem do campeonato com a média de idade de 23,5 anos, seguido dos Estados Unidos e Equador (24).

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Follow Us