PM diz que vacinação decorre “a bom ritmo” e mantém intenção de vacinar mais de 70% da população até final do ano

PM diz que vacinação decorre “a bom ritmo” e mantém intenção de vacinar mais de 70% da população até final do ano

O primeiro-ministro garantiu hoje que a vacinação está a decorrer a “bom ritmo” e com “mais de 14 mil pessoas” já vacinadas, reiterando a intenção de vacinar mais de 70% da população até ao final do ano.

Ulisses Correia e Silva, que fez essas considerações à imprensa após visitar, na companhia do ministro da Saúde, Arlindo do Rosário, o Centro de Saúde de Achada Grande Trás para se inteirar da implementação do Plano Nacional de Vacinação, apelou “a todos e todas” a se protegerem usando máscaras, a manter o distanciamento e higienização, por ser esta a única forma de dar combate à pandemia da covid-19.


“É preciso que as pessoas tenham em atenção que os casos estão a aumentar, particularmente, na Cidade da Praia, São Vicente, Sal e Boa Vista. Já tínhamos anunciado a iniciativa do Governo em reforçar a fiscalização, não permitindo festas particulares e nem públicos organizados por entidades públicos”, disse, sublinhando que está identificado que é nestas festas que tem estado a acontecer casos de contágio.


Ainda segundo Ulisses Correia e Silva, vão ser tomadas medidas a nível das praias de mar, com maior fiscalização, para evitar ajuntamentos, assim como uso de máscaras e aglomerações nos supermercados e mercados.


“A fiscalização vai ser reforçada, visivelmente, a partir do final desta semana, mas só fiscalização não chega, pelo que vamos aumentar a comunicação e sensibilização”, asseverou, salientando que “este é um combate que se ganha com cidadania e com a participação de cada um dos cabo-verdianos”.


O primeiro-ministro, que promete a continuação da vacinação para se poder vencer a pandemia, garantiu disponibilidade de stock para se dar continuidade à vacinação de outros grupos de risco e apelou “a todos e todas” a cumprirem as regras para não colocar a vida dos outros em causa.


Afirmou ainda que o País vai receber mais vacinas da Astrazeneca e da plataforma Covax, de mais 84 mil vacinas, assim como Portugal e outros países que se comprometeram em ajudar.


Quanto à chegada de vacinas da China, Rússia e outras empresas farmacêuticas, Ulisses Correia e Silva disse que estão programadas chegarem no mês de Maio, apesar de o envio não depender apenas de Cabo Verde.


Em Cabo Verde já estão vacinadas mais de 14 mil pessoas entre o pessoal da saúde, bombeiros e idosos com cerca de 70 anos, cumprindo assim o Plano Nacional da Vacinação.


Dados de quinta-feira, os dados indicavam que o País contabilizava 321 novas infecções pelo novo coronavírus, passando a contabilizar 2.598 casos activos, 18.689casos recuperados, 199 óbitos, seis mortes por outras causas, oito transferidas, perfazendo um total acumulado de 21.500 casos positivos.

 

Inforpress/Fim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe um comentário

Follow Us