Porto Novo: Edilidade reafirma propósito de criar biblioteca municipal para fomento da prática da leitura

A biblioteca municipal é uma das infra-estruturas culturais em carteira pela Câmara Municipal do Porto Novo, Santo Antão, devendo o projecto começar a ser materializado já este ano, como forma de fomentar o hábito de leitura neste município.

 

O presidente da câmara municipal, Aníbal Fonseca, aproveitou um encontro com a Associação Literária de Santo Antão (ALSA), para reiterar a intenção da sua autarquia em avançar com a criação da biblioteca municipal, numa parceria com a cooperação portuguesa.


Porto Novo, além da biblioteca, pode ainda ganhar, a partir deste ano, outros espaços culturais, de entre eles, uma escola municipal de música.


A edilidade garante estar a trabalhar na materialização desses projectos, com vista a dar um novo impulso à actividade cultural neste concelho, onde os agentes culturais têm vindo, insistentemente, a pedir a construção, sobretudo, de uma biblioteca municipal.


A associação portuguesa Junt’Amor, que já iniciou o processo de recolha de livros, vai ser uma das parceiras da câmara do Porto Novo na concretização da biblioteca municipal, aguardada, há quase 30 anos, pelos porto-novenses.


A ALSA, oficializada em Fevereiro último, diz ter, também, estabelecido parcerias com pessoas singulares e colectivas, sobretudo, em Portugal, que já resultaram no envio de vários livros de associações portuguesas, informou a direcção desta associação, que tem como objectivo “contribuir para o bem-estar social e cultural dos membros e da comunidade, no geral, através do fomento da prática da leitura, escrita, pesquisa e afins”.


Inforpress/Fim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Pode gostar também

Deixe um comentário

Follow Us