Porto Novo: Fundo do Ambiente coloca à disposição da autarquia seis mil contos para criação de espaços verdes

A edilidade porto-novense vai receber do Fundo do Ambiente, ao longo deste ano, uma verba à volta de seis mil contos para a criação e manutenção dos espaços verdes no município do Porto Novo.

O plano de investimentos municipais para 2024, a que a Inforpress teve acesso, indica que Porto Novo recebe no decurso de 2024 verbas do Fundo do Ambiente na ordem dos 23 mil contos destinados, além de criação de espaços verdes, também à construção de casas de banho para famílias vulneráveis.

Porém, a autarquia enalteceu hoje os “resultados concretos” que se está a conseguir a nível do ambiente neste município, graças à parceria com o Governo que, através do Fundo do Ambiente, financiou o projecto de criação de espaços verdes, que prevê fixar mais de cinco mil plantas.

Graças também ao Fundo do Ambiente, cerca de 50 famílias consideradas pobres, residentes na cidade do Porto Novo, vão ser contempladas com casas de banho, informou a autarquia porto-novense.

Ao todo, os investimentos previstos em 2024 no sector do ambiente no município do Porto Novo ultrapassam os 24 mil contos, destacando-se ainda a realização da campanha de protecção das tartarugas marinhas, a sensibilização ambiental e realização de campanhas de limpeza.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest