Praia: Prisão preventiva para adolescentes que praticavam crimes de roubo em residência e na posse ilegal de arma de fogo

Na operação foram apreendidos uma arma de fogo, um carregador e duas munições de calibre 9 mm, bem como numerário, em moeda nacional e estrangeira.

A Polícia Nacional, através do Comando Regional de Santiago Sul e Maio, deteve três adolescentes, sendo que um era foragido do Centro de Acolhimento Orlando Pantera, por prática dos crimes de roubo em residência com recurso a arma de fogo na cidade da Praia. O caso aconteceu no passado dia 09 de janeiro e foi divulgado nesta sexta-feira, 26, na página do Facebook da PN.

Segundo a mesma fonte, a operação foi despoletada na sequência de uma comunicação do Centro de Comando da PN da Praia, “dando conta de que 4 indivíduos tinham invadido a residência de dois cidadãos libaneses, situada na localidade de Palmarejo/Casa Lata, e que os haviam agredido, tendo subtraído uma determinada quantia em dinheiro e outros pertences.”

Neste seguimento, uma equipa da Esquadra de Piquete deslocou-se ao local e deteve 3 dos 4 indivíduos com idades compreendidas entre 16 e 17 anos, que se encontravam escondidos numa outra residência perto do local.

“Na posse dos detidos, foram encontrados e apreendidos uma arma de fogo, de calibre 9mm, um carregador e duas munições do mesmo calibre, bem como numerário, em moeda nacional e estrangeira”, lê-se num post no Facebook da PN.

Após apresentados ao poder judicial no prazo legal e submetidos ao primeiro interrogatório, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação mais gravosa, de prisão preventiva.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest