Presidente da câmara de Mosteiros diz que emigrantes são a “maior força, riqueza e um dos ativos” do município

Os emigrantes são a “maior força, a riqueza e um dos principais ativos” de desenvolvimento social e económico do município de Mosteiros, declarou o presidente da câmara.

Fábio Vieira, que falava na cerimónia de inauguração do Estádio Alirio Lopes de Pina, na localidade de Ribeira Ilhéu, destacou a presença de um “grande número” de emigrantes do município, que, segundo o mesmo, apesar da distância estão sempre perto.

“Partilhando as preocupações, ansiedades do município, através de intervenção no processo de desenvolvimento de que é exemplo a comparticipação financeira na conclusão das obras do Estádio de Ribeira do Ilhéu”, precisou.

O autarca destacou a contribuição de todos os emigrantes de Mosteiros, particularmente os de Ribeira do Ilhéu, pelo “enorme contributo e amor” à localidade e pelo modo particular como vivem esta comunidade e o empenho que colocam na sua modernização e desenvolvimento.

“A presença em grande número neste momento tão difícil de circulação em que a mobilidade de e para o país se realiza a duas penas, quer pela falta de meios de transportes, quer pelos custos das viagens, põe em evidencia que o capital patriotismo constitui uma motivação fundamental que alavanca o entusiasmo e incondicional apego a Mosteiros”, destacou Fábio Vieira.

O presidente da câmara de Mosteiros referiu que a autarquia está a trabalhar “afincadamente e com os olhos postos no futuro” para a criação de condições objetivas e na promoção de um ambiente de negócio que atraia, favoreça e capitalize o investimento emigrante no município de Mosteiros.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest