Professores: Sindicatos insatisfeitos com anúncio da actualização da grelha salarial a partir de janeiro de 2025

Os sindicatos dos professores, Sindprof e Sindep, disseram hoje que estão “insatisfeitos” com a proposta do Governo em fazer atualização da nova grelha salarial só em Janeiro de 2025, sabendo que o estatuto sai no mês de Junho.

Os sindicatos mostraram esta insatisfação à Inforpress, depois do Governo anunciar, através de um comunicado, um novo estatuto da tabela remuneratória dos professores que vai sair no mês de Junho.

“Porquê que o Governo vai actualizar a nova grelha salarial só em Janeiro, sabendo que o mesmo tinha prometido que a grelha salarial vem acompanhada do estatuto que sai no mês de Junho “, questionou, Lígia Herbert.

Para a presidente do Sindprof, Lígia Herbert, este aumento dos 16%, “não satisfaz” esta classe, justificando que ainda faltam algumas questões a serem resolvidas, no que tange às progressões estagnadas, transição dos professores e o subsídio por não redução da carga horária.

A mesma congratulou-se com a atitude do Governo por esta iniciativa e quer que o executivo resolva as pendências que faltam.

Por outro lado, acrescentou que esta classe continua a lutar em prol dos seus direitos, se for o caso com mais greves porque, conforme explicou, “não conseguiram nada ainda”, mas sim somente os 16% do salário e que faltam 20%.

Por seu lado, Jorge Cardoso congratulou-se igualmente com esta atitude do Governo, mas considerou que esta actualização “não satisfaz” a classe, justificando que os professores vão usufruir deste dinheiro somente em Janeiro.

“Nesses dois anos os trabalhadores cabo-verdianos perderam o poder de compra à volta de 15% e isso é insuportável para os bolsos de todos, sobretudo dos professores, esperar até Janeiro para usufruir desse dinheiro”, asseverou.

Jorge Cardoso disse também que a luta continua e que se não for resolvida a actualização das pendências, esta classe vai partir para greve no mês de Junho.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest