AJOC inicia abertura do concurso Prémio Nacional de Jornalismo 2024

As inscrições para a candidatura ao Prémio Nacional de Jornalismo (PNJ) 2024 iniciaram-se no dia 6 deste mês e vão até 1 de Março, informa num comunicado de imprensa a Associação Sindical dos Jornalistas de Cabo Verde (AJOC).

Conforme o comunicado da organização, podem concorrer ao PNJ, os trabalhos redigidos ou elaborados em língua portuguesa ou cabo-verdiana, da autoria de um ou mais jornalistas profissionais e que versem temáticas que correspondam aos objectivos previstos no artigo 3º da Resolução nº 95/2013, de 14 de Agosto.

Segundo a mesma fonte, serão aceites trabalhos publicados, em primeira edição, no território nacional, de 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2023, preferencialmente enquadrados nas tipologias de artigos de fundo, entrevistas, reportagens e trabalhos de investigação jornalística.

“Cada candidato pode concorrer com até dois trabalhos, abrangendo todas as categorias do PNJ (Rádio, Imprensa e Televisão). Cada candidatura deve ser instruída separadamente, com documentação específica e autónoma das demais peças concorrentes”, especifica o documento.

Ainda de acordo com a AJOC, serão considerados vencedores os trabalhos que seguirem os critérios de qualidade técnica, relevância para a temática e o cumprimento dos objectivos do PNJ.

A originalidade, criatividade e profundidade na abordagem do tema, adaptação da narrativa ao meio escolhido; pertinência e actualidade, no caso de trabalhos investigativos; potencial impacto ou repercussões na mudança de comportamento individual e colectivo e na mobilização social são também critérios a serem levados em consideração pelo jurado.

A atribuição do PNJ, edição 2023, acontece numa cerimónia a realizar-se no dia 03 de Maio, Dia Mundial da Liberdade de Imprensa.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest