Fogo: Mais de uma tonelada de lixo retirada das três praias de desova de tartarugas marinhas

A campanha de limpeza das três praias de desova de tartarugas marinhas nas proximidades da cidade de São Filipe resultou na recolha de pouco mais de uma tonelada de lixo diverso.

A campanha promovida pela Associação Projeto Vitó ocorreu no sábado, 11, e concentrou-se nas praias de Fonte Bila, Nossa Senhora da Encarnação e de Vale dos Cavaleiros, tendo as cerca de sete dezenas de participantes recolhido 1.147 quilogramas de lixo.

A coordenadora do programa de conservação das tartarugas marinhas na ilha do Fogo e nos Ilhéus Rombos do Projeto Vitó, Carla Lopes, disse que a próxima campanha será realizada no dia 25 de Maio cobrindo as praias da zona norte, nomeadamente Salinas, Praia Grande e Galé, já que no próximo fim de semana a praia de Salinas recebe o festival de música.

Para a Associação Projeto Vitó cada plástico, garrafa e outro lixo removido representa um “importante passo” na preservação da vida marinha e na conservação do oceano.

Na última campanha o Projeto Vitó contou com envolvimento de parceiros como Polícia Nacional, Inspeção-geral das Pescas, Serviço de Saneamento, Cruz Vermelha, Fogo Entertainment, Associação dos Estudantes da Escola Secundária Pedro Pires, de Ponta Verde, voluntários e escuteiros.

A campanha enquadra-se nos eventos da III Conferência sobre a Década do Oceano, organizada pela Presidência da República.

Antes das praias de São Filipe centro, a associação promoveu campanhas nas praias dos municípios dos Mosteiros e de Santa Catarina do Fogo.

Nos Mosteiros foram contempladas quatro praias, nomeadamente Cais, Lantcha, Guentis e Fajãzinha, e, no município de Santa Catarina do Fogo. três praias, particularmente as de Fajã, Alcatraz e Praia Grande

A nível da ilha, a última campanha terá lugar no dia 25 de Maio nas praias da zona norte, mas a iniciativa termina a 08 de Junho com a campanha de limpeza das praias dos Ilhéus Rombos.

Na campanha de desova de tartarugas do ano passado os responsáveis da Associação Projeto Vitó identificaram nas praias da ilha do Fogo e dos Ilhéus Rombos um total de 4.767 rastos de saída de tartarugas (1.989 no Fogo e 2.778 nos Ilhéus), 2.083 ninhos de tartarugas (1.257 na ilha do Fogo e 826 nos Ilhéus) e32 capturas (31 no Fogo e 01 nos Ilhéus).

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest