Portugal: Comunidades católicas africanas realizam peregrinação ao Santuário de Fátima

As comunidades católicas africanas de Lisboa realizaram hoje a 28ª peregrinação ao Santuário de Fátima, depois do interregno de dois anos, sob o tema “Bem-aventurada Virgem Maria, mãe da unidade”.

A peregrinação deste ano, uma iniciativa promovida pela Capelania das Comunidades Católicas Africanas de Lisboa, é presidida pelo padre Pedro Fernandes, superior provincial da Congregação do Espírito Santo em Portugal, de acordo com a agência Ecclesia.

O programa iniciou-se com o acolhimento pelas 09:00 (hora de Portugal) em Fátima, seguida da saudação à Nossa Senhora, às 10:45. O desfile antecede a Eucaristia, que aconteceu pelas 12:30 na Basílica da Santíssima Trindade.

Conforme a mesma fonte, o dia vai seguir com almoço partilhado e termina pelas 16:00 com oração final.

Em 2019, o Santuário de Fátima acolheu a 25ª peregrinação das comunidades católicas africanas, sob a presidência do cardeal cabo-verdiana Dom Arlindo Furtado e teve como tema “A Virgem Maria, discípula do Senhor”.

Na altura, o cardeal Dom Arlindo Furtado sublinhou a importância do encontro como tempo de “revigoramento da fé e de encontro social”, entre amigos, com importância “humana e social”.

O mesmo ainda destacou a dimensão de peregrinação na vida dos católicos, onde quer que se encontrem, como marca de “comunhão humana e cidadania comum”, tanto os “portugueses que são emigrantes” como “os estrangeiros que estão em Portugal”.

A capelania dos africanos insere-se no apoio dos Missionários Espiritanos aos imigrantes desde os inícios de 1980 e peregrinação ao santuário é uma celebração e comemoração realizada desde 1994.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest