Tribunal decreta prisão preventiva para um dos detidos pela PJ na posse de cocaína na ilha do Sal

O Tribunal do Sal decretou prisão preventiva para um dos dois detidos pela Polícia Judiciária (PJ) na posse de cocaína, na ilha do Sal e aplicou apresentação periódica e interdição de saída do país ao segundo indivíduo.

A informação foi avançada pela PJ em comunicado, dando conta que a detenção no passado sábado, 16, foi feita através do Departamento de Investigação Criminal do Sal (DICS), no decurso do cumprimento do mandado de busca e apreensão domiciliária.

Conforme a mesma fonte, na operação, que teve lugar na cidade de Santa Maria, foi apreendida uma certa quantidade de derivados de cocaína, suficiente para 125 doses individuais, balança de precisão, saquetes de plástico, entre outros elementos com relevância probatória.

Os dois indivíduos de nacionalidade nigeriana, com 38 e 45 anos de idade, estão a ser acusados de prática de um crime de tráfico de drogas de alto risco, em co-autoria.

A PJ adianta que os dois vinham sendo investigados pelo DICS há cerca de oito meses.

Inforpress

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest