Uni-CV acolhe 2ª edição do “Campos da Matemática Gulbenkian” em Cabo Verde

 A Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) iniciou hoje a 2ª edição do “Campos da Matemática Gulbenkian” em Cabo Verde, tendo como público-alvo 36 alunos do 11º ano das ilhas de Santiago, Fogo, Maio e Brava, e respetivos professores.

O evento, financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, terá a duração de cinco dias e visa, segundo a coordenadora do Campos de Cabo Verde, Telma Silva, promover atividades que estimulem o interesse pela Matemática, através das suas aplicações na resolução de problemas do quotidiano.

“O Campo consiste em trabalhar com alunos do 10º e, este ano, 11º ano, que são estimulados a gostarem da Matemática e são apresentadas novas janelas onde poderão observar a matemática que nunca viram na sala de aula e nas suas diferentes aplicabilidades”, disse a coordenadora Telma Silva.

A iniciativa, segundo disse, começou em 2021 com alunos do 10º ano que, durante duas semanas, foram na altura trabalhados em diversas áreas de matemática e preparados para a 2ª edição do Campos.

“Este ano estamos com a 2ª edição que também vai para zona do Barlavento onde serão abrangidos 30 alunos de São Vicente, Santo Antão, São Nicolau, Sal e Boa Vista, e os seus respetivos professores”, afirmou.

Ainda segundo Telma Silva, o ponto alto do Campos de Matemática é fazer com que os estudantes entendam a Matemática que, entre os alunos, é sempre tido como o “calcanhar de Aquiles”.

Para a delegada do Ministério da Educação do concelho da Praia, Constantina Afonso, que presidiu a abertura oficial do Campos de Matemática, esta ação ajuda os jovens estudantes a aprender que a Matemática é uma disciplina que pode ser aprendida a se divertir.

Neste domínio, informou que o Ministério vai iniciar o ano letivo 2022/2023 com algumas mudanças no currículo, sendo que a disciplina de Matemática vai fazer parte de outras áreas do 10º e 11º ano, que não seja a CTI e Económica e Social.

A seleção para participar no Campos de Matemática é feita através de um concurso com alunos com média superior a 16 valores no 10º ano.

Na cidade do Mindelo, o Campos de Matemática terá como público-alvo 30 alunos do 10º ano das ilhas do Barlavento (Santo Antão, São Vicente, São Nicolau, Sal e Boa Vista) e os seus respetivos professores.

O Campos da Matemática Gulbenkian em Cabo Verde é um projeto criado e financiado pela
Fundação Calouste Gulbenkian, organizado e executado pela Universidade de Cabo Verde, com o apoio do Ministério da Educação.

Entre os objetivos do Campos da Matemática Gulbenkian está o desenvolvimento da curiosidade e o gosto de aprender matemática, desenvolver o gosto pela experimentação matemática, fomentar o gosto pela participação na aula e em grupos de trabalho, desenvolver o raciocínio lógico, argumentativo e abstrato, assim como desenvolver as capacidades de compreensão, análise, aplicação e síntese.

A primeira edição do Campos teve lugar em Julho de 2021, nas instalações da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV), no Campus do Palmarejo, e contou com 40 alunos do 10º ano e 16 professores do Secundário, de todas as ilhas do Sotavento.

Inforpress/

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest